A ESTRATÉGIA INTRADAY VALE A PENA? UM ESTUDO DE CASO USANDO APRENDIZADO DE MÁQUINA

Leila ABUABARA, Filipe Alves Neto VERRI

Resumo


Cada vez mais pessoas têm contado com a renda variável para diversificar seus investimentos e aumentar seus ganhos. Em geral, esse tipo de investimento começa como uma fonte secundária de recursos. O processo de compreensão do funcionamento desse tipo mercado conta com diversas iniciativas educacionais independentes. Com o objetivo de vivenciar a dinâmica e principalmente os riscos associados a tais investimentos, propomos aqui a aplicação de um modelo de predição utilizando árvore de regressão como algoritmo de aprendizado para prever se existe um período ideal em um dia de negociação para realizar uma transação conveniente, conforme os interesses do investidor pela venda ou compra de ativos. Selecionamos uma ação brasileira que faz parte do Índice IBovespa (IBOV) para acompanhar durante um período de dois meses e meio. Nossas conclusões mostram que a negociação de curto prazo é muito arriscada devido à volatilidade dos preços do mercado de ações ao longo de um mesmo dia. Ainda, sugerimos que investidores inexperientes devem contar com técnicas combinadas e informações adicionais para uma negociação bem-sucedida, ou mesmo considerar produtos financeiros mais seguros. Além disso, uma visão holística e realista, que vai além da busca por ganhos imediatos, é necessária entre o crescente público que investe o qual está excessivamente exposto às propagandas que argumentam que este risco compensa.